sábado, 16 de agosto de 2014

Inatingível

 
Quando eras inatingível, foi nessa altura que te desejei mais. Não agora que caminhas entre nós.

4 comentários:

  1. Eis a confissão confirmadora do carácter dos homens: só se interessam pelo que julgam ser inatingível. Uma vez atingido, desprezam-no. Não seria melhor, em prol da manutenção da vossa motivação, nunca atingirem/alcançarem?

    ResponderEliminar
  2. Nunca atingir nunca alcançar é a divisa que está no Brasão da minha família.

    ResponderEliminar
  3. ehehehehe
    Esteve bem, sim senhor.
    Já tinha saudades de passar por aqui. ;-))

    ResponderEliminar
  4. Porra!! esqueci-me de assinar o comentário anterior. ;-))

    ResponderEliminar

Exceptuando casos de linguagem imprópria, todos os comentários serão aceites.