segunda-feira, 2 de junho de 2014

Mais um tiro no pé

 
O PS-Viseu continua refém do seu autismo. Ok, cumprem os regulamentos, fazem eleições e trocam de líder (na garantia da vitória do caciquismo), mas seguram os timoneiros. Em suma, mudam tudo na certeza de não mudar nada. Recusam compreender que, em política, a defesa do interesse pessoal nunca foi sinónimo de virtude. Meus caros socalistas, quando não se preocupam com o partido, com a ideologia, com a cidade, com os eleitores, perder eleições consecutivamente é tanto uma consequência natural como um mal menor.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Exceptuando casos de linguagem imprópria, todos os comentários serão aceites.